Como emitir o romaneio de carga?

Como emitir o romaneio de carga?

O romaneio de carga é uma excelente ferramenta de controle e organização na remessa de mercadorias.

Legalmente, esse documento é obrigatório apenas em duas situações:

  • transportes internacionais para desembaraço aduaneiro,
  • remessa de cargas perigosas, como combustíveis, remédios e produtos que podem causar contaminações.

No primeiro caso, o romaneio é exigido nos processos de despacho aduaneiro de importação, através da Instrução Normativa SRF Nº 680/2006.

Além disso, deve atender também ao Decreto Nº 6759/2009, que trata do assunto.

Neste post apresentamos o que é e que informações devem constar em um romaneio de carga. Continue lendo e conheça mais sobre o assunto!

O que é o romaneio de carga?

O romaneio de carga, exceção feita às situações mencionadas anteriormente, não é um documento obrigatório no Brasil.

No entanto, é uma ferramenta utilizada com bastante frequência por muitas transportadoras, pois facilita os processos de controle e organização de cargas.

O documento não possui um layout específico ou exigências com relação ao seu formato, porém deve apresentar as seguintes informações:

  • notas fiscais que compõem a carga,
  • quantidade de volumes,
  • identificação para cada pedido,
  • tipo de embalagens utilizadas,
  • peso, dimensões e volume da carga.

Portanto, para cada veículo deve ser elaborado um documento específico, no qual as informações acima estejam a disposição de todos os envolvidos no processo de transporte.

Para que serve o romaneio de carga?

O romaneio de carga ajuda a controlar, separar e conferir as cargas que fazem parte de um determinado roteiro, auxiliando os profissionais da logística em sua montagem e organização no veículo que irá transportá-las.

A sua utilização evita erros e enganos nos processos de separação de mercadorias e expedição de cargas.

Além disso, diminui entregas realizadas indevidamente, pois o documento serve como parâmetro de conferência, permitindo que os volumes relacionados a cada nota fiscal que está sendo movimentada sejam facilmente localizados.

Benefícios desse documento

Como se observa, a implantação desse documento já seria válida levando-se em conta apenas os aspectos que apresenta nas facilidades operacionais, no entanto, vai além disso, por exemplo:

Prestação de contas

O motorista, que passa a ser o responsável pelas cargas que serão entregues, a partir desse documento, pode conferir o embarque, entregas realizadas e prestar as contas do seu trabalho no retorno à sua base.

A partir do romaneio e dos comprovantes de entrega, o processo de prestação de contas torna-se rápido e eficaz, não deixando margens para questionamentos.

Facilidade na análise das informações

O romaneio de carga facilita o acesso às informações a respeito dos materiais e volumes que seguiram para entrega.

A partir do documento, a transportadora consegue saber em qual veículo a mercadoria foi despachada, qual o roteiro que o caminhão irá percorrer para chegar ao destino e outros detalhes sobre os serviços.

Otimização das entregas

O processo de entrega é otimizado, pois, através do romaneio, consegue-se rapidamente identificar as embalagens, volumes e através de um código específico, quais cargas devem ser entregues a determinado destinatário.

Diminui-se consequentemente os erros e entregas realizadas por engano.

Colabora no gerenciamento de riscos

Em caso de sinistros, o romaneio de carga é um documento complementar, que auxilia a transportadora e a seguradora na obtenção de informações das cargas que estavam sendo movimentadas no veículo que apresentou problema.

Portanto, os processos de avaliação e indenização de eventuais perdas são facilitados e agilizados junto à empresa seguradora.

Como se observa, a utilização desse documento apresenta vantagens e facilidades na gestão logística, diminuindo erros, possibilitando eficiência nos serviços e reduzindo os custos operacionais da operação, pois evita os retrabalhos.

Agora que você já sabe mais sobre a emissão do romaneio de carga, continue conosco e leia nosso post que mostra como aumentar o faturamento com transporte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *