responsabilidade social na cadeia de suprimentos

A responsabilidade social na cadeia de suprimentos

Cadeia de suprimentos é a movimentação exercida pelas empresas para que os produtos possam chegar aos seus destinos e atender o consumo da população.

Desde a comida que chega à mesa, o carro que você dirige e todo o conforto material que faz parte da vida, chegaram através da cadeia de suprimentos.

Há uma série de profissionais envolvidos nesse processo para que o produto chegue no consumidor final, como fornecedores, produtores e setores de expedição.

Nesse conjunto de relações, as empresas precisam desenvolver responsabilidades sociais e ambientais nas suas operações porque uma está ligada à outra de forma direta ou indireta.

Nesse post, você vai saber sobre a importância da responsabilidade social na cadeia de suprimentos. Continue lendo!

O que é responsabilidade social?

Responsabilidade social é uma prática voluntária que consiste num conjunto de ações adotadas pelas empresas para promover o bem-estar, tanto dentro das suas organizações, bem como externamente.

Uma empresa que adota a responsabilidade social proporciona mais qualidade de vida para os seus funcionários e familiares e se preocupa em reduzir os impactos negativos que sua atividade causa na comunidade e no meio ambiente.

Para isso, promove ações de conscientização ambiental, demonstra transparência nas suas atividades e toda a sua organização é pautada na ética.

Esse conjunto de atitudes gera uma relação baseada em valores morais com os seus parceiros e, por isso, a responsabilidade social na cadeia de suprimentos já não é uma opção e, sim, uma necessidade.

Importância da responsabilidade social na cadeia de suprimentos

A responsabilidade social na cadeia de suprimentos deve ser pautada em práticas que farão com que todas as empresas envolvidas sejam beneficiadas.

Dessa forma, todos devem se esforçar para cumprir seu papel e exigir do parceiro também o cumprimento.

Contratados e contratantes precisam estar conscientes dos códigos legais que devem ser cumpridos, bem como estabelecer uma relação baseada em valores morais e éticos entre si.

Essa relação saudável estabelece o grau de comprometimento de cada um dos envolvidos em ações de responsabilidade social na cadeia de suprimentos.

Práticas adotadas por empresas responsáveis socialmente

Entre as ações de responsabilidade social na cadeia de suprimentos destacam-se:

  • Reconhecimento e respeito aos direitos humanos;
  • Salários justos aos seus funcionários;
  • Cumprimento da legislação vigente;
  • Carga horária justa e compatível;
  • Repúdio à corrupção;
  • Repúdio ao trabalho infantil;
  • Proteção dos funcionários com relação à saúde e segurança;
  • Proteção ambiental;
  • Repúdio a qualquer tipo de discriminação;
  • Liberdade de associação e busca de seus direitos.

Empresas responsáveis socialmente monitoram regularmente se as condutas de seus parceiros estão em conformidade com os acordos estabelecidos, fiscalizando e exigindo de seus fornecedores ações e práticas correspondentes.

Quem ganha com a responsabilidade social?

Todos ganham quando uma empresa resolve praticar a responsabilidade social na cadeia de suprimentos.

Os funcionários sabem que estão trabalhando em uma empresa que investe e se preocupa com o bem-estar e progresso profissional de cada um.

A população percebe, através das ações, que a empresa está envolvida com a comunidade e colaborando para a melhoria da qualidade de vida das pessoas e para a sustentabilidade do planeta.

E a empresa passa a ser vista como uma corporação responsável, voltada ao progresso e preocupada com o sucesso de todos os envolvidos, passando a conquistar a confiança dos clientes.

A CARGOBR se preocupa com a responsabilidade social e tem como parceiro apenas empresas que também estão envolvidas nessa causa. Entre no site e conheça o trabalho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *