pesagem de caminhoes nas estradas

Por que a pesagem de caminhões nas estradas?

A fiscalização com relação às pesagens de caminhões nas rodovias brasileiras foi adotada no ano de 1979.

A BR-277, no estado do Paraná, foi a primeira rodovia a receber um posto de pesagem. A partir dessa experiência, esse tipo de fiscalização se espalhou pelo país.

A maioria dos postos de pesagem de caminhões nas estradas encontra-se próxima aos portos e às grandes cidades, em função da maior movimentação de transporte de cargas.

Esse artigo apresenta os motivos dessa fiscalização e os problemas causados pelos caminhões que transportam cargas acima do limite de peso.Continue lendo e confira!

Motivos para a pesagem de caminhões nas estradas

Existem alguns motivos que levam o Governo a adotar práticas de fiscalização com relação ao limite máximo de peso dos caminhões.

O cálculo do peso de uma caminhão, é feito através da medição do peso sobre o eixo do veículo e não sobre a carga total.

Existe uma legislação específica que apresenta o limite de peso por eixo que, se ultrapassado, leva às multas e retenção da carga até a chegada de um novo veículo para a divisão da mesma e continuidade da viagem.

O DNIT – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes apresenta os seguintes motivos para a aplicação das multas na pesagem de caminhões nas estradas:

  • Danos causados nas rodovias e estradas;
  • Velocidade reduzida em subidas e transtornos para os demais usuários da via;
  • Dificuldade de frenagem em função do peso, podendo causar acidentes;
  • Dificuldade de manobras, parando o trânsito e causando acidentes;
  • Poluição atmosférica em função do mau uso do motor;
  • Danos ao caminhão que podem causar problemas ao condutor e a terceiros.

Como se vê, existem motivos sérios e que colocam vidas em risco em função do mau uso do caminhão.

Prejuízos na estrada

Além dos riscos com relação às vidas, com os atrasos e todo tipo de problemas ocasionados pelo abuso na capacidade máxima de peso dos caminhões, estima-se que o prejuízo causado por esse excesso corresponde a 2% do PIB nacional.

Essas projeções são do DNIT que afirma também que o excesso médio de 10% de peso por eixo do caminhão reduz em 40% a vida útil projetada para a estrada.

Por conta disso, mais de 110 postos de pesagens estão instalados no país, fiscalizando e multando os infratores.

A pesagem de caminhões nas estradas é uma realidade e, infelizmente, ultrapassar os limites estabelecidos em lei ainda é uma prática corriqueira no Brasil.

É importante que ao contratar um frete, apesar da total isenção da sua empresa com relação às multas e possíveis problemas, exista a preocupação a esse respeito, no caso de retenção de veículos em função do abuso de peso.

Afinal, além do problema social e financeiro causado, é a sua mercadoria que pode estar no veículo retido, o que ocasionará o atraso do produto ao seu cliente.

É importante conhecer a empresa que será contratada para o transporte de seus produtos e nada melhor do que não ter que se preocupar com esses detalhes que podem se transformar em grandes problemas.

Na CARGOBR você encontra dezenas de transportadoras comprometidas e que cumprem a legislação. Acesse o site agora e faça uma cotação. É gratuita e sem compromisso.

One thought to “Por que a pesagem de caminhões nas estradas?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *