Planejamento de coletas: como fazer?

Planejamento de coletas: como fazer?

O planejamento de coletas é muito importante para que se obtenha êxito em uma empresa de transporte.

Sem isso, os custos operacionais inviabilizam o negócio e a qualidade dos serviços caem substancialmente.

Os motoristas precisam de um roteiro que atenda a uma série de circunstâncias e que possibilite que todos os serviços sejam cumpridos.

Para isso, é essencial que sua transportadora saiba detalhadamente qual o melhor percurso a ser seguido, considerando:

  • prioridades,
  • horários de atendimento do cliente,
  • horários disponíveis para tráfego de veículos de cargas,
  • distâncias,
  • condições de trânsito.

Neste post apresentamos a importância do planejamento de coletas e como ela deve ser elaborada. Continue lendo e saiba mais a respeito!

O que é o planejamento de coletas?

O planejamento de coletas é um documento que apresenta o roteiro, considerando as melhores alternativas, para que veículos realizarem o seu percurso na captação de encomendas e produtos nos diversos pontos de uma cidade.

Como desenvolver o planejamento de coletas?

Para desenvolver o planejamento de coletas, alguns aspectos devem ser observados, tais como:

Priorize nas rotas os clientes fixos

A partir do desenvolvimento da rota considerando os clientes fixos, inclua as outras paradas que serão necessárias, incluindo os novos e os esporádicos nessa mesma programação.

Tenha um plano alternativo

O planejamento de coletas, por mais elaborado e detalhado que possa ser desenvolvido, não foge aos problemas do cotidiano. Por isso é importante um plano alternativo.

Considere que os incidentes possam ocorrer, levando em conta:

  • congestionamento do trânsito,
  • alagamentos,
  • acidentes,
  • furtos,
  • quebra do veículo.

Nos casos como os apresentados, é necessário que se encontrem soluções para que seu cliente não tenha problemas e as mercadorias sejam coletadas dentro do período acordado.

Controle e rastreamento dos veículos

Para que o plano alternativo possa ser colocado em funcionamento, deve existir um acompanhamento dos veículos em circulação, portanto, é fundamental a utilização de ferramentas de rastreamento.

Qualquer problema, mudança de roteiro ou anormalidade são percebidos imediatamente, possibilitando o contato com o motorista e as providências para socorrer o veículo envolvido na situação, para, assim, cumprir com as obrigações assumidas junto aos clientes.

Ofereça serviços de suporte aos clientes

Sua transportadora precisa ser proativa, ou seja, agir antes que o cliente apresente alguma queixa ou reclamação.

Para isso, ferramentas como o rastreamento de veículos e a disponibilidade de suporte colaboram na qualidade dos serviços prestados.

Esses profissionais devem contatar os clientes informando possíveis problemas, buscando alternativas para que esses sejam atendidos de acordo com suas necessidades.

Monitore e mapeie os processos e ocorrências 

A partir de um mapeamento completo de todos os processos desenvolvidos, bem como das ocorrências e problemas enfrentados, em pouco tempo sua transportadora possuirá um histórico que apresenta dados interessantes, quando será perceptível:

  • roteiros que mais apresentam problemas,
  • situações mais comuns,
  • veículos e motoristas que mais possuem ocorrências.

Tendo por base essas informações, é possível tomar providências para correções e mudanças, visando diminuir os índices de problemas e melhorar a qualidade dos serviços.

Construa parcerias

Una-se a outras empresas que possuem as mesmas questões e trabalhe em conjunto, buscando alternativas que diminuam custos e melhorem a qualidade do atendimento prestado.

Como se observa, diante de tantas possibilidades, não realizar o planejamento de coletas é uma atitude imprudente que leva ao retrabalho e ao aumento dos custos operacionais.

Busque sempre por opções que possam colaborar para o sucesso do seu empreendimento e esteja atento às diversas possibilidades existentes que podem encurtar caminhos.

Agora que você já sabe o que considerar para fazer o planejamento de coletas, continue conosco e leia nosso post que apresenta como fazer um controle financeiro para sua transportadora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *