* if no mobile alternative is activated
Skip to main content
Last mile: o que é e sua importância na gestão de entregas

Last mile: o que é e sua importância na gestão de entregas

Ao fazer qualquer compra em um e-commerce, o objeto passará por um longo processo logístico separado em etapas que vão desde o pedido até a entrega ao cliente, sendo a última delas o last mile.

Conhecer todas essas fases é importante, mas é essencial dar a atenção que o last mile merece para que a finalização da operação tenha sucesso e atenda às expectativas do consumidor.

É nessa última fase onde, muitas vezes, os públicos B2B e B2C terão conhecimento da empresa logística responsável pela entrega, assim como terão informações sobre prazos, organização, dentre outros fatores essenciais.

Sendo assim, entenda nesse artigo o que é last mile e por que é tão importante trabalhar no sucesso dessa etapa. Continue a leitura.

O que é last mile?

Como mencionado, last mile é o último estágio de um processo que envolve outras duas etapas, que são o first mile e o middle mile.

É nessa fase que o cliente poderá acompanhar de perto a chegada de sua mercadoria, geralmente pelo site da empresa onde ele comprou seus produtos.

Marcado tanto pela expectativa do cliente como por uma grande responsabilidade da transportadora e seus colaboradores, é no last mile onde o sucesso da entrega está em jogo, pois atrasos, avarias na mercadoria ou qualquer outro problema podem acontecer.

O last mile é considerado decisivo para o sucesso de todo o trabalho e conhecer os desafios dessa etapa, além de maneiras de otimizar o processo e obter o maior êxito possível é essencial.

Desafios

Como se trata do último passo da entrega, o last mile conta com desafios como problemas nas estradas ou no percurso em si, assim como os famosos roubos de carga, já que está transportando o objeto desde o centro de distribuição até o destino final, que pode ser uma casa, apartamento, empresa, galpão etc.

Além disso, outros obstáculos podem ser encontrados como a ausência de uma pessoa para receber o produto, de modo que é preciso voltar no lugar outra hora ou devolver o produto para o estoque, o que sai caro, e o fato da necessidade constante de saber onde está o entregador e em quanto tempo ele chegará.

Geralmente, um código de rastreio basta, mas o consumidor está cada dia mais conectado e deseja saber em tempo real tudo que está acontecendo.

Como otimizar o last mile

Agora que você já sabe do que se trata essa etapa e o que pode colocar tudo a perder, é hora de saber as melhores práticas para tornar o last mile um verdadeiro sucesso tanto para sua equipe de logística, como para o cliente final, que está com muitas expectativas.

Antes de qualquer outra etapa, é de extrema importância que você tenha controle de todos os processos, de modo que tenha em mente o que precisa ser feito e o que pode atrapalhar essa fase, como imprevistos ou outros problemas.

Uma outra dica interessante é usar a tecnologia a seu favor, seja com o GPS, para ter acesso em tempo real a toda a frota, ou softwares de gestão de rota, mercadorias, dentre outros. 

Além de ser muito útil para sua gestão, também são informações interessantes para que o cliente receba e saiba como está o andamento de sua entrega.

Por último e não menos importante, é interessante oferecer a opção de entrega agendada, para que não ocorra o problema de o cliente não estar em casa na hora do recebimento.

Interessante como o last mile é essencial para o sucesso da entrega, não é mesmo? 

Aproveite para se certificar de que todas as etapas da logística estarão em boas mãos com a gente! Entre em nosso site e faça sua cotação sem burocracia e sem compromisso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.