indicadores da logística

Indicadores da logística: quais são os principais?

É muito importante o acompanhamento e a visão real dos acontecimentos da empresa, sem uma avaliação através de métodos eficientes, muitos problemas passam despercebidos.

Indicadores de desempenhos são excelentes jeitos de fazer essa avaliação, só assim é possível correções e mudanças estratégicas no competitivo mundo da logística e do transporte.

A partir das análises criteriosas desses números, é possível saber como está a saúde da empresa, bem como os pontos fortes e fracos da organização.

Nesse post será apresentado os principais indicadores de desempenho logístico em transporte e o que pode ser obtido a partir de cada um deles. Confira!

A importância dos indicadores da logística

A logística de uma empresa é seu coração, se não funcionar o negócio literalmente para.

Perguntas importantes precisam de respostas e a adoção de indicadores da logística contribui para obtê-las:

  • Minha logística possui qualidade?
  • As entregas acontecem com pontualidade?
  • O nível de avarias e problemas com a carga está dentro do aceitável?
  • Qual o tempo que se leva para a resolução dos problemas?
  • Os conhecimentos de transporte são preenchidos corretamente?
  • Qual o percentual da margem de lucro?
  • Os clientes estão satisfeitos com os trabalhos de transporte?

Os indicadores da logística apresentam a realidade do que ocorre no cotidiano e, a partir da sua análise, medidas de correções podem e devem ser adotadas para melhorar o desempenho.

Veja alguns deles:

1 – Percentual de entregas atrasadas

A partir da definição do tempo de análise (1, 3 ou 6 meses), levante o percentual de todas as entregas que foram realizadas com atraso.

Se esse número estiver acima do considerado normal por sua empresa, é necessária uma avaliação criteriosa dos motivos que podem estar ocasionando esse problema, como planejamento do roteiro inadequado, falta de veículos, etc.

Caso o transporte seja realizado com empresa terceirizada, é o momento para uma conversa a respeito dos serviços que estão sendo prestados.

2 – Nível de avarias e não conformidades

Esse indicador tem por objetivo o levantamento de entregas onde o cliente não aceitou a mercadoria por problemas de avarias ou não conformidade com o pedido.

Também entram nesse índice entregas não realizadas em função de endereços inválidos ou não localizados.

A partir dessas informações, consegue-se identificar problemas operacionais tanto na falta de cuidado com as cargas, como erros no preenchimento dos endereços de entrega.

3 – Tempo total do pedido

Esse indicador demonstra, a partir da entrada de um pedido na empresa, qual é o tempo que o cliente aguarda para receber suas mercadorias.

É o tempo total que envolve aprovação de crédito, separação, carregamento das mercadorias e efetiva entrega ao cliente final.

A partir desses números é possível verificar se existem problemas operacionais que impedem que o cliente seja atendido de maneira rápida ou está tudo dentro da normalidade prevista.

4 – Custo de transporte com relação ao valor da venda

O custo de transporte representa quanto, se comparado ao valor total do pedido? Esse também é um importante indicador para avaliar se as despesas com a logística não estão acima do normal.

Essa avaliação pode mostrar que os custos de logística estão além dos que foram previstos e, consequentemente, estão prejudicando e diminuindo a margem de lucro da empresa.

É necessário acompanhar de perto esse índice para evitar surpresas desagradáveis na operação.

5 – SLA (acordo de nível de serviço)

O SLA, do inglês Service Level Agreement, é um acordo entre empresas e clientes, definindo regras de relacionamento em contrato e tratando dos mais diversos assuntos envolvendo a área de logística.

Apesar de não ser propriamente um dos indicadores da logística, nesse documento são definidos tempo de entrega, valores e prazos para pagamento, bem como níveis de responsabilidade de cada uma das partes.

O SLA permite acompanhar diversos indicadores que devem ser avaliados constantemente, possibilitando verificar se todo o acordo está sendo cumprido dentro das normas negociadas e estabelecidas.

6 – Satisfação dos clientes

É fundamental a avaliação do seu cliente sob todos os aspectos envolvendo o transporte.

As avaliações e opiniões coletadas deverão, em conjunto com os outros indicadores, serem avaliadas e, se necessário, estudos devem ser feitos para a adoção de novas medidas visando aumentar a satisfação do cliente.

Se sua empresa ainda não utiliza os indicadores da logística, pode estar correndo o risco de perder clientes.

Agora que você conhece a importância nos indicadores de desempenho, que tal conhecer a CARGOBR e os serviços oferecidos? Acesse o site e conheça mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *