Frete ainda é vilão no segmento de e-commerce

Frete ainda é vilão no segmento de e-commerce

O varejo digital, que ficou conhecido como segmento de e-commerce, criou um mercado novo no qual pequenos volumes são comprados por milhões de clientes, exigindo uma entrega fracionada e detalhada, extremamente pulverizada. Embora a novidade tenha sido ótima para o segmento de logística, especialmente empresas relacionadas ao transporte urbano e cargas fracionadas, continua sendo um grande vilão para lojas online. Não raramente os custos de frete de um produto superam o próprio valor das mercadorias, especialmente em regiões mais distantes.

Além de oferecer pacotes e promoções que possam elevar o tíquete médio por cliente, lojas online se veem de mãos atadas para reduzir seus custos com transporte. Para as lojas menores, oferecer o tradicional “frete grátis” pode inclusive representar uma série possibilidade de falência. Para o consumidor, a experiência pode ser igualmente frustrante: selecionar os produtos, colocar no carrinho e, quando o CEP é digitado, o valor de frete dobra o custo da encomenda. Desistências por essa razão são extremamente frequentes. Mas como é possível contornar o problema?

Entregas locais

Algumas lojas maiores mantêm, atualmente, depósitos e centros de distribuição regionais, a partir dos quais a mercadoria é encaminhada ao consumidor por transportadoras locais e, com isso, alcançado um custo de frete um pouco mais em conta. Para quem não é gigante como uma Lojas Americanas ou Walmart, a solução também pode ser acessada por meio de transportadoras que disponham de seus próprios centros de distribuição regionalizados. Com isso, o varejista pode manter nessas áreas mais distantes um pequeno estoque de seus produtos mais vendidos, mitigando custos de transporte toda vez que houver um novo pedido.

Frete direto da fábrica

Alguns segmentos de produtos também se utilizam de uma entrega que é diretamente realizada pelo fabricante – a loja online atua apenas na venda e recebe sua margem, ao passo que o produto é produzido e entregue apenas quando uma nova venda é fechada. O processo é comum em segmentos como o de móveis, bicicletas e mesmo eletrodomésticos.

Cotação online

É possível buscar transportadoras que realizem entregas de forma pontual e regionalizada online. A CARGOBR é uma das empresas que oferece esse tipo de serviço de busca e cotação e conta com diversas transportadoras especializadas e certificadas em seu banco de dados. Com bom planejamento e transportadoras adequadas para cada tipo de remessa, lojas online podem mitigar seus custos de logística, recorrendo a opções mais baratas de transporte em regiões nas quais o frete tradicional se mostra muito caro.

banner

 

admin
thiago.paim@cargobr.com
Sem Comentários

Postar Comentário